dez 072012
 

a gratidão proporciona a paz

Se todas as pessoas manifestassem a gratidão plena, não haveria guerras. Se entendessem que todas as pessoas do mundo tem algo de bom pra trazer a tona e mostrar às outras pessoas, verdades que só elas puderam alcançar devido a suas trajetórias e experiências de vida. Quando somos gratos pelo que os outros têm a nos ensinar, nós aprendemos a ouvir verdadeiramente, com atenção e paciência. Para isso, faz-se necessário partir de uma perspectiva de que todas as pessoas estão certas em relação à suas verdades pessoais e que sempre têm algo para nos revelar que possivelmente não poderíamos entender sozinhos. Quanto mais diferentes somos, mais podemos aprender um com o outro. Opiniões diferentes não são obrigatoriamente contraditórias, são apenas complementares. Mesmo que numa visão superficial aparente existir a contradição, um estudo mais aprofundado pode encontrar pontos em comum e afinidades. A humanidade atualmente precisa aprender de forma mais completa a arte do diálogo e a gratidão plena tem um papel importante nesta finalidade, porque proporciona um princípio profundo de respeito pela verdade única de cada um, gerando assim uma convivência pacífica em que sempre predomina a paz.

Local: Entrada do Templo Yonghe, Pequim – China.
Texto e Design: Joaquim Mutim
Página do Facebook: http://www.facebook.com/joaquimmutim
Fonte da Foto: http://www.cepolina.com/

 Publicado por às 22:49 Gratidão, Paz Nenhum Comentário »
2016 www.joaquimmutim.com Todos os direitos reservados.