maio 232014
 

Quer saber como viver em equilíbrio? Dê um passo de cada vez nesta direção. O equilíbrio é uma meta que todos nós devíamos ter, mas ao mesmo tempo é um desafio constante.

Existem vários aspectos em que podemos trabalhar o equilíbrio em nossas vidas. Talvez um bom início seja trabalhar o equilíbrio emocional, porque outros aspectos do equilíbrio precisam dele como base. Trata-se de não deixar que suas emoções flutuem tanto, se sentindo um dia muito alegre e no outro muito triste. O melhor é assumir uma postura mais neutra. A chave é controlar a respiração. Uma respiração lenta e profunda sempre tem uma função de te acalmar, para isto é necessário mudar o padrão mental o quanto antes, no começo das crises e nunca alimenta-las.

Outro aspecto importante para trabalhar o equilíbrio é nas nossas prioridades. É necessário equilibrar as nossas verdadeiras prioridades, por exemplo, independente dos seus objetivos pessoais, sua família deve sempre ter prioridade máxima.

Podemos citar também o equilíbrio na alimentação que já é a cura de boa parte das doenças atuais, o equilíbrio com a natureza que garante a sustentabilidade ambiental e o equilíbrio na comunicação que é a solução para muitos dos problemas de relacionamento.

Existem infinitos aspectos em que você pode pensar e trabalhar o equilíbrio, é bom começar definindo qual aspecto é mais urgente para ser aperfeiçoado, dê sua atenção e foco total nele até que se sinta bem para partir em direção a outros desafios.

Texto: Joaquim Mutim
Foto: Leandro Inocencio

maio 062014
 

O discípulo subia a montanha com seu mestre espiritual e no meio do caminho lembrou-se de fazer uma pergunta ao mestre:

– Mestre, por favor, me ajude a entender a meditação, eu não consigo me concentrar nela.

– O desafio é que você ainda encara a meditação como uma atividade a se fazer durante o dia. Meditação não é uma atividade, é uma forma de viver. Você deve estar em estado meditativo em todos os momentos durante o seu dia. Não importa a atividade que você estiver fazendo.

O mestre respondeu e continuou a andar.

– Não entendo mestre!

– Veja a sua respiração, você não consegue viver sem ela. Se você respira com atenção, profundidade e suavidade, você já está meditando! – Disse o Mestre.

O discípulo ainda com dificuldade para entender, perguntou:

– Mas é só respirar?

– Não exatamente. As pessoas geralmente respiram de forma automática, sem a menor consciência do processo. Nossa respiração é o que nos conecta com a fonte infinita de energia do universo. A respiração é a própria dádiva da vida e a principal forma de recarregar nossas reservas. Respirando de forma correta e intencionada nós somos saudáveis, felizes e harmonizados com o cosmos.

Texto: Joaquim Mutim

Foto: Monte Roraima por Adalberto Jose Perez Lopez

out 302012
 

agradeça a cada respiração

Um dos atos mais sagrados do ser humano é a respiração. De uma perspectiva mais ampla e profunda a respiração é muito mais do que a captação de oxigênio, ela é responsável também pelo fluxo energético dos seres vivos. As emoções, por exemplo, tem uma relação fortíssima com a respiração, já que para cada tipo de emoção existe um padrão respiratório. Quanto mais agitada emocionalmente a pessoa estiver, mais rápida e superficial será sua respiração. O modo correto (e tranquilizador) para se respirar é de maneira lenta e profunda. Não espere ter dificuldades respiratórias para sentir como é gostoso respirar, seja grato agora!

Texto e Design: Joaquim Mutim
Página do Facebook: http://www.facebook.com/joaquimmutim
Fonte da Foto: http://www.cepolina.com/

2016 www.joaquimmutim.com Todos os direitos reservados.